quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Faltando tempo - Simone de Castilho


A maioria das pessoas que estão no mercado de trabalho se queixam de um mesmo problema:a falta de tempo. O trabalho consome praticamente a totalidade do dia, não sobrando tempo para nenhuma outra atividade, uma vez que se chega exausto e sem vontade de mais nada em casa.O que acontece é que as pessoas dimensionam mal e não fazem nenhum tipo de planejamento sobre suas vidas além do trabalho.Trabalhar é uma necessidade comum a todos mas a forma como executamos nosso trabalho, a velocidade e as prioridades é que darão rumo ao tipo de vida que teremos.No trabalho, estabelecer o que é prioritário faz toda a diferença.Recebemos inúmeras solicitações durante o dia e sabemos impossível atender a todas.Ao invés de viver este stress, vamos priorizar e atender o que é mais importante, o demais será atendido a seu tempo e de acordo com uma escala em nossas tarefas diárias.Em casa, estabelecer prioridades também é fundamental. Se deixarmo-nos levar pelas atividades profissionais e o cansaço que elas nos imputam, jamais teremos tempo para a família, os amigos e até para nós mesmos.Uma coisa é certa: quanto menos fazemos, menos queremos fazer. O tempo deve-se adaptar às nossas necessidades ou seja nós devemos encontrar esse tempo priorizando aquilo que é importante para nós e colocando estas atividades na frente. Desta forma podemos nos programar além do trabalho, podemos cuidar da vida pessoal, da casa, da família e podemos ter mais qualidade em nossa vida como um todo. Afinal o grande segredo e o grande desafio é encontrar este ponto de equilíbrio e saber administrar este tempo.

Nenhum comentário: