quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Equilíbrio da vida- Machado de Assis


“E enquanto uma chora, outra ri;
é a lei do mundo, meu rico senhor;
é a perfeição universal.
Tudo chorando seria monótono,
tudo rindo cansativo,
mas uma boa distribuição de lágrimas e polcas,
soluços e sarabandas,
acaba por trazer à alma do mundo a variedade necessária,
e faz-se o equilíbrio da vida"


in Quincas Borba